Discussão do artigo científico “The ion channel TRPV1 regulates the activation and proinflammatory properties of CD4+T cells”

A importância do canal iônico TRPV1 na ativação e propriedades pró-inflamatórias de linfócitos T CD4+.

ESSE

A membrana de linfócitos T CD4+ possui uma grande quantidade de canais iônicos que diferem entre si quanto à estrutura, permeabilidade a diferentes íons, maneira como são ativados e função. A presença desses canais é muito importante visto que o aumento dos níveis de íons no citosol é essencial durante o processo de ativação dos linfócitos T. Bastante expresso na superfície de linfócitos T CD4+, mesmo não ativados, pela primeira vez o grupo de Samuel Bertin e colaboradores mostrou a importância do canal iônico com alta permeabilidade ao cálcio, TRPV1, na ativação e propriedades pró-inflamatórias desses linfócitos. De maneira interessante o grupo mostra que o TRPV1 em células T CD4+ participa da cascata de sinalização do TCR e que, em modelo murino e em células humanas, a ausência genética desse canal ou sua inibição farmacológica compromete a transdução de eventos de sinalização distais à ativação TCR e consequente a produção de citocinas pró-inflamatórias. Em camundongos, isso reflete em diminuição do “score” clinico no modelo de inflamação intestinal, podendo ser mais estudado como possível alvo para o tratamento dessas doenças.

 

Post de Maria Cláudia da Silva.

Doutoranda do Programa de Imunologia Básica e Aplicada.

Samuel Bertin et al., The ion channel TRPV1 regulates the activation and proinflammatory properties of CD4+ T cells. Nature immunology. Nature Immunology 15, 1055–1063 (2014).

Link do Artigo 

DIA: 02/02/2015 (segunda-feira)

LOCAL: Sala de Seminários II – Prédio Central – FMRP

HORÁRIO: 11:00 horas