Discussão de Artigo Científico – 08/08/16

DIA: 08/08/2016 (segunda-feira)

LOCAL: Sala de Seminários II – Prédio Central – FMRP

HORÁRIO: 11:00 horas

Artigo

Sem título

A dor neuropática é um tipo de dor crônica que pode resultar de uma lesão no sistema nervoso central ou periférico. A lesão ao nervo periférico gera no sistema nervoso central, mais especificamente no corno dorsal da medula espinal, uma notável microgliose, ou seja, a micróglia passa de um estado de repouso para um estado reativo, o qual é acompanhado por alterações morfológicas e por proliferação celular. No entanto, ainda permanece controverso se os monócitos circulantes seriam capazes de infiltrar a medula espinal e contribuir com a expansão da população microgial após a indução da neuropatia. Com isso, o trabalho demonstra que a microgliose resulta predominantemente da proliferação local da micróglia residente e não há participação de monócitos infiltrantes após a transecção do nervo espinal. Além disso, os autores constataram que a inibição farmacológica da microgliose induzida após a neuropatia é capaz de reduzir a hipersensibilidade dolorosa nos animais, sendo o CX3CR1 e o P2Y12 possíveis receptores envolvidos nesse processo. Uma vez estabelecido a origem da microgliose, a proliferação local da micróglia pode representar um novo alvo terapêutico para o tratamento da dor neuropática.