Quem sobrevive à SEPSE fica vulnerável a infecções e tumores. Por quê?

USP na Nature Communications: Quem sobrevive à SEPSE fica vulnerável a infecções e tumores. Por quê? Mais uma parte do mecanismo que debilita a pessoa mesmo depois que sai da UTI foi estudado por cientistas do CRID, o Centro de Pesquisa em Doenças Inflamatórias. Tem a ver com uma substância recém-descoberta: a interleucina-33.

Veja detalhes da nova pesquisa:

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn